sábado, março 03, 2007
Telecomunicações em mudança

A OPA pode ter fracassado, mas o sector das telecomunicações nunca mais será o mesmo. Esta revolução no sector passa obrigatoriamente pela separação das redes de cobre e cabo, que trará mais concorrência ao sector e que os consumidores bem podem agradecer a Belmiro de Azevedo. Resta agora esperar que os accionistas da PT aprovem a cisão da PT Multimedia, que detém a TV Cabo - não entendo por que raio teimam em falar de "spin off", se existem palavras em Português para designar essa operação.

Os sinais da mudança foram surgindo ao longo de um ano, desde que a OPA foi anunciada a 6 de Fevereiro de 2006. No domínio do acesso à Internet temos maiores velocidades de download e upload, mais tráfego e, em alguns tarifários, preços mais baixos. Nas ligações telefónicas há melhores planos de preços e chamadas gratuitas para a rede fixa à noite. E recentemente tivemos mais uma boa notícia - que passou despercebida -, graças à decisão da Anacom de autorizar a PT a converter o custo da assinatura mensal em chamadas. Não duvido que é o primeiro passo rumo ao fim dessa aberração que é o pagamento da assinatura mensal do telefone. Sem a OPA de Belmiro nada disto teria acontecido.

E nós por cá? Nos Açores passaremos a ter dois concorrentes: PT e Cabo TV Açoreana. A empresa açoriana, controlada pela TVCabo, prepara-se para oferecer um serviço de voz, a juntar aos já existentes de televisão por cabo e acesso à Internet. A PT está bastante mais atrasada no seu projecto de IPTV, pois só em Junho é que passará a oferecer o serviço de televisão, internet e voz, e apenas, numa fase inicial, a cerca de cinco mil clientes residentes nas áreas de Castelo Branco, Grande Lisboa e Grande Porto. É uma oportunidade de ouro para a Cabo TV Açoreana, que apostou forte numa campanha publicitária. Só não se percebe que mantenha a sua página na Internet - um importante veículo de promoção - completamente desactualizada. Infelizmente, a maioria das ilhas (com excepção de Faial, Terceira e São Miguel) não vai beneficiar, pelo menos directamente, desta mudança, devido à ausência da rede de cabo. Mas também irá colher benefícios, fruto das melhores ofertas que a PT terá que oferecer.

Só falta mesmo é termos as excelentes ofertas de acesso à Internet da Tele2. Com tantos subsídios atribuídos a torto e a direito pelo governo regional, não há uns trocos para aquela empresa? Desculpem, mas não consegui resistir :-), mesmo correndo o risco dos tipos do costume se limitarem a comentar uma única frase de um post que já vai longo.

Em suma, as telecomunicações estão em mudança.

 
Postado por Rui Lucas em 3/03/2007 |


5 Comments:


  • 03 março, 2007 12:08, Blogger jocaferro

    Apesar das promessas eu não acredito que a PT acelere com a separação.
    Aliás, até digo mais, acho que este processo só se iniciará por imposição da "Autoridade" respectiva.
    Assim, a minha impressão é que a PT irá arrecadar, i.e. roubar, tudo o que possa enquanto puder, para recuperar o prejuízo que teve com esta ameaça de OPA. Foram ofertas a mais, mesmo aos accionistas.
    E o Sr. Ministro pode vir dizer o que quiser. Além de assumir uma posição de arrogância e ditatorial (veja-se a resposta à opinião do presidente da CMVM), mostrou desde o 1º momento ao lado de quem se posicionava.
    Nunca esquecer que a PT, entre outras, é uma espécie de asilo de luxo, onde em vez de pagar se recebe a peso de ouro, para os políticos "reformados". Este já assegurou um lugar na 1ª fila.

     
  • 06 março, 2007 23:57, Blogger jocaferro

    Rui Lucas:
    Vê a nova oferta da Clix a 24 Mbps.
    Só para continente ver.
    Por enquanto...
    @braço.

     
  • 07 março, 2007 01:13, Blogger Rui Lucas

    Já tive oportunidade de ver. Mas como é acesso indirecto - no que aos Açores diz respeito - nem sequer comentei. A excepção à regra neste blogue foi a oferta da Tele2, que é imbatível. E agora não me apetece nada falar mal da PT, porque estou com sono e a usar a PT WI-FI, um privilégio dos clientes da Telepac, Sapo e Netcabo. Fica para a próxima, meu caro.

     
  • 09 março, 2007 16:41, Anonymous raquel Moniz

    E a oferta da ONI?
    Apesar de ser acesso indirecto consegue ser bastante vantajosa e não podemos esquecer que existe representação local (OniAçores).

    Enquanto a Anacom não se decide, temos de ir pagando a assinatura, logo há que comparar o comparavel! Ou seja qualquer operador que funcione em acesso indirecto está nas mesmas condições que a SAPO ou TELEPAC: serviço ADSL + Assinatura.

     
  • 09 março, 2007 16:54, Blogger Rui Lucas

    Cara Raquel:

    O serviço da ONI tem um problema: pratica um "traffic shaping" muito agressivo com o tráfego P2P, o que é muito mau para a malta que gosta do "sacanço".