domingo, junho 18, 2006
Desabafo
Caso alguém ainda não tenha percebido, o Açores, SA é um BLOGUE, não um órgão de comunicação social. Lá por ter como autores quatro jornalistas (estando dois deles presentemente afastados da profissão), isso não significa que aqui se faça jornalismo. Entretanto, vou ali e já volto.
 
Postado por Rui Lucas em 6/18/2006 |


2 Comments:


  • 18 junho, 2006 23:19, Anonymous fuseiro

    Olhe amigo: se você não fosse jornalista, não teria abordado este tema, nem teria sido convidado para o linguafiada. Não se arme em duplo porque quando se é jornalista, é-se 24horas. Como os médicos, enfermeiros, etc.
    Você não gostou que o aconselhassem a fazer investigação séria ao IA, porque é mais fácil a má lingua que procurar as causas da situação.
    Quanto ao blog, tb é um meio de comunicação, se não, você não estaria a utilizá-lo identificando-se como jornalista. Aceito os seus comentários, mas um jornalista deve fá-los, normalmente, fundamentado em informações precisas.
    De qualquer modo, desabafe pois já percebi o seu incómodo de não ter chegado ao fundo da questão IA. Pode ser que amanhã já não tenha assunto...quando o barco navegar, normalmente. Espero, para bem de quantos aguardam o barco para passar férias nos Açores, do seu bolso! pois há quem fale contra os "gastos" da concessão porque andam de SATA paga pelas suas empresas ou pelo Governo e passam férias nos Algarves...grandes alarves!

     
  • 19 junho, 2006 01:30, Blogger Rui Lucas

    Caro fuseiro:

    Abro uma excepção à regra de não responder a anónimos, pois não veio para aqui insultar ninguém. Sigo à risca a máxima "quando se é jornalista, é-se 24horas" por dia. Mas neste momento, além de estar de férias (também tenho direito), estou num período de transição entre empresas. Em Julho volto. Dispenso sermões, pois fui dos poucos a investigar as falhas de segurança e de manutenção que se verificaram nos últimos anos com o Golfinho Azul. Se não acredita, dê-me o seu endereço de email para lhe enviar cópia desses trabalhos. Logo, não me limito a mandar palpites sobre o transporte marítimo de passageiros. Aceito, contudo, quaisquer dicas sobre o caso Ilha Azul. É que fala como quem sabe muita coisa sobre o assunto. O endereço de email do blogue está à vista de todos, é só usá-lo. Ou as suas palavras sobre o caso Ilha Azul são só conversa? Quero acreditar que não. Relativamente aos comentários que faço, qual é que não foi devidamente fundamentado? Para terminar, essa piadinha fácil sobre as férias dos outros não era para mim, pois não? Claro que não, que as minhas sou eu que as pago.