segunda-feira, janeiro 23, 2006
day after
No PS continuam as tentativas patéticas de explicar o facto de José Sócrates ter decidido violar todas as regas da cortesia democrática. Ao que parece, ninguém do secretariado do partido (cerca de 40 pessoas) reparou que o poeta já falava. Ainda por cima, diz Vitalino Canas, o primeiro ministro está de canadianas o que fez com que o trajecto nos corredores do Rato demorasse um pouco mais. Confirma-se, por isso, a hipótese levantada ontem: na cúpula socialista ninguém percebeu nada dos resultados de ontem.
 
Postado por nuno mendes em 1/23/2006 |


1 Comments:


  • 24 janeiro, 2006 10:04, Blogger João Nuno

    ...este episódio teve o mérito de mostrar a virilidade do nosso primeiro confirmando o boato de que o mesmo andava com duas canadianas !