segunda-feira, fevereiro 11, 2008
Prémio até digo o contrário do que disse só para ser notícia
 
Postado por Rui Lucas em 2/11/2008 |


7 Comments:


  • 11 fevereiro, 2008 19:45, Blogger Alexandre Pascoal

    ...andas a curtir arqueologia...

     
  • 11 fevereiro, 2008 20:12, Anonymous Anónimo

    É só uma questão de o Rui ler, com olhos de ver, as transcrições que publica e constatará que nã há contradição.

     
  • 11 fevereiro, 2008 23:15, Anonymous CBA

    É uma grande contradição, então o Sr. Presidente do Governo diz que é uma questão de Fé e no outro dia diz ser possivel.
    É preciso ter muita fé.

     
  • 11 fevereiro, 2008 23:49, Anonymous JBC

    Claro que não há contradição.
    Sobretudo se tiver em conta a questão da fé... amén.
    Avé!!!

     
  • 12 fevereiro, 2008 18:38, Blogger jocaferro

    E?

     
  • 14 fevereiro, 2008 13:18, Anonymous Anónimo

    A Fé é que nos salva

     
  • 15 fevereiro, 2008 14:48, Blogger Águazêda

    Todos sabemos que Guatánamo é um centro de detenção que foge às mais elementares convenções do direito internacionail, à ética e aos valores consagrados na Declaração Universal dos Direitos do Homem. Ao terror, a América responde com terror.

    Todavia, a polémica acerca do transporte de prisioneiros para a base de Guatánamo, descentrou-se do essencial. Mais do que tentar salvar a face com respostas evasivas ou atitudes convenientemente consensuais, o que importa é reflectir se os americanos, com base nos tratados militares, podiam ou não cruzar o espaço aéreo nacional sem ter de declarar dados sobre os passageiros que transportam. Se não podiam, porque o fizeram e se o fizeram porque não podiam?
    Tudo o resto é ruido. Pura política estéril, para consumo interno.