segunda-feira, fevereiro 19, 2007
A longa - metragem de Jardim... Capítulo - 1
O presidente do governo regional da Madeira, Alberto João Jardim, anunciou a sua demissão do cargo, para forçar eleições antecipadas, em protesto contra a aprovação da Lei das Finanças Regionais

"Coloco-me nas mãos do povo, mas ao recandidatar-me à liderança do governo regional demonstro que não fujo, nem abandono, quando as circunstâncias estão insuportavelmente muito mais difíceis".

O PSD é o único partido que aplaudiu a decisão de Alberto João Jardim.

Nos Açores, Carlos César afirmou que a demissão de Alberto João Jardim "não resolve nenhum problema" da Madeira mas antes adensa a precariedade da opinião pública nacional sobre as autonomias regionais.


PS- O filme, daqui a uns meses quando tudo ficar igual na Madeira, devia intitular- se “o regresso dos que não foram”.
 
Postado por Rui Goulart em 2/19/2007 |


10 Comments:


  • 19 fevereiro, 2007 15:28, Anonymous Anónimo

    Por cá vamos tendo "a manutenção dos que não querem ir"

     
  • 19 fevereiro, 2007 17:09, Anonymous Anónimo

    Já não há pachorra para as espertezas saloias do Jardim!

     
  • 19 fevereiro, 2007 19:00, Blogger Jose Augusto Soares

    Jardim????
    Poupem-me!!!!!!

     
  • 20 fevereiro, 2007 00:25, Blogger luis cabral

    E o sr.lucas caladinho que nem um rato...
    O que faz a dependência...

     
  • 20 fevereiro, 2007 00:38, Anonymous Anónimo

    há qq coisa que me escapa: vcs como se mais nada houvesse para dizer dos Açores apontam baterias ao sr. da Madeira. Mas escolhem o tipo por este se demitir e colocar nas urnas de voto a decisão sobre o seu futuro. Faz isso por entender que não pode governar dado que o que se propôs fazer está inviabilizado por uma lei que subitamente mudou as finanças daquele arquipélago.
    Independentemente das bocas e da forma como o sr. se exprime quando fala de socialistas e de governos de Lisboa, o que é certo é isto: ele demite-se e vai a votos.
    Por cá ... enfim, olhem, sejam honestos ok, vejam como as coisas andam e deixem-se de merdas.

     
  • 20 fevereiro, 2007 00:47, Anonymous Anónimo

    Viva a independencia da Madeira!

     
  • 20 fevereiro, 2007 00:50, Anonymous Anónimo

    Por cá a úneca cosa que o homezim soube fazer foi escrever uma coisita no quadro- louváde seja Dâs!

     
  • 21 fevereiro, 2007 01:37, Anonymous Anónimo

    O PSD/A e seus acólitos sabem que nada mudará depois das próximas eleições na Madeira, a menos que, muito improvavelmente o povo retirasse a confiança a Jardim; na verdade, o problema financeiro de Jardim está na FORTÍSSIMA diminuição de fundos comunitários (2007/2013) por ter saído das regiões objectivo 1 e não pela LIGEIRA diminuição de verbas relativas à nova LFR. De resto, aproveita para limpar o seu grupo parlamentar para poder concorrer a mais dois mandatos e para tentar inverter o "estatismo" da Madeira (o que será muito díficil perante os "interesses" instalados). O resto são as conversas da treta sobre a autonomia com aquele estilo de bêbado eufórico/irritado!

     
  • 23 fevereiro, 2007 18:55, Anonymous Anónimo

    Ah Rú- vá-te pá porra!- olha para o mijo que este PS está a fazer!-Enxerga-te!

     
  • 23 fevereiro, 2007 19:19, Blogger Denise S. Almeida

    Alberto João e a sua política nunca foram dos meus pontos principais de interesse. Mas a verdade tem de ser dita... O senhor que dizia que os portugueses não têm testículos, está a provar que os tem... Das duas uma: ou leva uma grande chapada de luva branca, ou dá. À boa moda de Alberto João...