quarta-feira, setembro 06, 2006
Ponta Delgada SA
“Cidade em Acção SA” é uma sociedade anónima composta pela “Acção PDL” (uma empresa municipal da autraquia de Ponta Delgada) e por 5 empresas de construção civil, que têm a maioria do capital (59 % ) . A saber: “ Irmãos Cavco SA” , “Irmãos Cavaco Açores SA”, “Marques SA”, “Somague/Ediçor SA” e “Eng Luís Gomes SA.”
De acordo com o Jornal dos Açores, esta espécie de “Cartel” do betão deverá receber luz verde da “Acção PDL” para construir as grandes obras da autarquia de Ponta Delgada, como são os casos da central de camionagem e o parque subterrâneo da Avenida. Tudo isto sem a necessidade de concurso público. Se do ponto de vista jurídico é possível a criação deste projecto (não sei, não tenho formação para julgar), ao nível político e de transparência, levanta, na minha opinião, muitas dúvidas.
Há que aguardar pelas novas competências do Tribunal de Contas, num país onde a relação – municípios- construção cívil- futebol é, por vezes, pouco clara!
O assunto vai ser debatido hoje e amanha.
Apesar das minhas dúvidas e receios desejo a todos boa sorte!
 
Postado por Rui Goulart em 9/06/2006 |


5 Comments:


  • 06 setembro, 2006 09:57, Anonymous José da Iria

    Cartel da coñstrução? e a SOCRIL? como pode haver um cartel de construção sem a SOCRIL? (Sciedade de Constrtução Ribeireñse Limitada)

     
  • 06 setembro, 2006 13:28, Blogger jocaferro

    Até que enfim...
    Notícias realmente importantes e sem cheiro a mofo.
    Só falta investigar o aspecto legal da coisa.

    @braço

     
  • 06 setembro, 2006 14:09, Anonymous Anónimo

    De certeza que esta não é uma investigação para a PJ nem para os arbitros de serviço. Mal de nós se não houvessem instituições fiscalizadoras da coisa pública

     
  • 07 setembro, 2006 11:37, Blogger jocaferro

    A Obra:

    Eis que, subitamente, as vozes detractoras das "Portas do Mar" se extinguiram, após o apoio tácito da edil de Ponta Delgada.

    Aqui, num lugar perto de si, reside o verdadeiro EUROMILHÕES.

    Milagres quotidianos daqueles que se queixam, eternamente, da falta de verbas.

    Esta é a versão moderna das Bodas de Caná - multiplicação dos €

    @braço.

     
  • 07 setembro, 2006 14:54, Anonymous Anónimo

    Só acho que todos nós temos uma oportunidade na vida, ou mais, serão eles os tolos, não, somos nós, portugueses e açorianos que passamos a vida a espreitar a oportunidade e falar mal.
    O Futebol, esse sim, acabem com ele antes que ele acabe com o país.
    É nojento ver portugueses a abrir o coração para o futebol e quando é para fazer algo realmente importante pela terra, vai-te embora.